Indústria química - 24/05/2017 | Por:

Alfa Romeo Giulia 2017 tem poliamida de elevada resistência térmica da BASF Ultramid® Endure


A BASF está introduzindo a sua poliamida de elevada resistência térmica, o Ultramid® Endure, em duas novas aplicações nopowertrain do Alfa Romeo Giulia 2017: no coletor de admissão de ar com intercooler integrado e no duto de ar do turbo (lado quente). Devido à alta temperatura embaixo do capô, que pode chegar até a 220oC, se faz necessário o uso de uma material que suporte essa temperatura de trabalho. É aqui que entra o Ultramid Endure pois, por meio de sua alta resistência a térmica, permite que as montadoras consigam a redução do tamanho do motor e do turbo compressor sem comprometer a performance. As classes de Ultramid Endure apresentam boa processabilidade, excelente resistência da linha de solda e estão disponíveis globalmente.

A BASF estabeleceu uma parceria com o fornecedor automotivo ABC Group, do Canadá, para desenvolver o duto de ar do turbo (lado quente) do Alfa Romeo Giulia. Para esta aplicação, o ABC Group escolheu o Ultramid Endure D5G3 BM da BASF, com 15% de fibras de vidro para moldagem por processo de sopro, apresentando uma alta resistência nas mangueiras e boas propriedades de expansão.

O ABC Group potencializou as capacidades da BASF no tocante à tecnologia de juntas, otimizando os parâmetros de soldagem por infravermelho (IR) para esta peça. A durabilidade do duto de ar está diretamente relacionada com as linhas de solda; portanto, é essencial que tais linhas sejam resistentes para que a peça tenha uma durabilidade maior. "Após a realização de vários ensaios com resina utilizando a moldagem, soldagem e rigorosos testes de validação, conseguimos atender às demandas nesta aplicação", considera Mary Anne Bueschkens, CEO do ABC Group. "A peça requer muitas conexões de solda. Nossos engenheiros trabalharam em estreita colaboração com os especialistas da BASF em materiais e juntas para entender os requisitos exclusivos, permitindo-nos aperfeiçoar nossa tecnologia de soldagem por IV, garantindo o sucesso do processo de soldagem deste duto, que sempre está sob altas- temperaturas ".

Coletor de admissão de ar com intercooler integrado da Magneti Marelli feito a partir do Ultramid Endure D3G7

A BASF trabalhou em conjunto com a Magneti Marelli, um braço da Fiat Chrysler Automobiles (FCA), para desenvolver o coletor de admissão de ar com intercooler integrado para o Alfa Romeo Giulia.

A necessidade de um material que suporte uma temperatura contínua de 200° C transformou o coletor de admissão de ar em um forte candidato para o Ultramid Endure D3G7, com 35 % de fibras de vidro, para moldagem por injeção. O coletor de admissão de ar também exigia um excelente desempenho relativo à pressão de ruptura, demandando que a Magneti Marelli oferecesse um material que apresentasse uma resistência de solda confiável sob temperaturas elevadas.

Com os conhecimentos de design, materiais e processamento da BASF, a Magneti Marelli conseguiu a resistência à ruptura e durabilidade necessárias para a montagem. "O suporte técnico da BASF foi útil, pois garantiu que a aplicação atendesse aos requisitos relativos à ruptura", afirma Marcello Colli, Gerente de Produtos - Corpos de Borboleta, da Magneti Marelli. "A experiência de soldagem da BASF nos possibilitou aplicar este material, que é resistente ao calor, conseguindo metas de durabilidade a longo prazo”.

As classes de Ultramid Endure são adequadas para diversas aplicações no sistema dos turbos compressores, incluindo coletores de admissão de ar, dutos de ar, ressonadores, tampas de extremidades dos intercoolers e corpos de borboleta. Eles conseguem, durante sua longa vida útil, suportar temperaturas de serviço de 220° C, e até picos de 240° C. O excelente comportamento, perante ao envelhecimento térmico, é resultado de um sistema de estabilização inovador da BASF, que reduz significativamente o ataque do oxigênio na superfície do polímero.