Indústria química - 17/07/2017 | Por:

Dow revela finalistas do Desafio Redução CO2


Em 14 de julho foram oficialmente anunciados os nomes dos quatro projetos finalistas do‘Desafio Redução CO2’, competição lançada pelo Instituto Akatu, em parceria com a Dow, com o objetivo de estimular e engajar jovens brasileiros, estudantes de ensino técnico, a criaremprojetos que contribuam para que o país atinja a meta de reduzir suas emissões de Gases de Efeito Estufa (GEE), colaborando com a desaceleração do aquecimento global. Puderam participar do concurso alunos de escolas técnicas dos cursos de Meio Ambiente e Química, das cidades de Salvador (BA), Campinas e São Paulo (SP).

O nome do projeto vencedor será conhecido em cerimônia a ser realizada em 03 de agosto, às 19h, na sede da Dow, em São Paulo. Durante o evento, os quatro finalistas apresentarão seus projetos a um júri - composto por membros do Instituto Akatu, da Dow e por especialistas em educação e sustentabilidade -, que selecionará os vencedores. Serão premiados os quatro projetos finalistas, em especial aqueles que usam o consumo consciente como ferramenta para a redução de emissões. Os vencedores contarão com mais de R$ 30 mil em prêmios para apoiar a execução dos projetos junto à comunidade escolar.

Projetos finalistas:

Escola

Projeto

Resumo simplificado

ETEC TIQUATIRA – São Paulo

Processo de fertilização do solo utilizando CO2

O projeto consiste na captação dos resíduos industriais gasosos através de uma máquina de sucção a vácuo, com os resíduos coletados e armazenados para a produção de fertilizantes, reduzindo os níveis de CO2 na atmosfera

ETECAP - Campinas

Sequestro de carbono em esponjas domésticas e desenvolvimento de material semibiodegradável

Técnica de reaproveitamento de esponjas domésticas permite conversão do resíduo doméstico em material que mitiga CO2

SENAI FUNDAÇÃO ZERRENNER – São Paulo

Indicadores de solventes orgânicos mais comuns na adulteração da gasolina automotiva tipo C

Kit individual permite que consumidores identifiquem a qualidade da gasolina (cujas adulterações a tornam mais poluente, com maior emissão de gases de efeito estufa) diretamente nas bombas dos postos de combustível

SESI PIATÃ - Salvador

Redução do CO2 atmosférico antrópico através de sua transformação em matéria prima para produção de tensoativo a partir da fotossíntese de microalgas em fotobiorreatores

Projeto utiliza fermentação de microalgas para reduzir concentração de CO2 na atmosfera e ainda produz insumos para a indústria de higiene pessoal e de materiais de limpeza

 

Os projetos inscritos para o ‘Desafio Redução CO2’ superaram as estimativas iniciais, tanto em número quanto em qualidade, apesar da quantidade relativamente pequena de escolas técnicas de Química e Meio Ambiente existentes nas cidades aptas a participar. “Foi um desafio muito bom trabalhar com este público. Percebemos o quanto nossos jovens estão empenhados em pensar em soluções consistentes para os problemas do nosso meio ambiente. Esperamos que esta premiação os incentive a continuar com seus projetos e com os seus sonhos”, orgulha-se Denise Conselheiro, coordenadora de Educação do Instituto Akatu.

 

“A parceria da Dow com o Instituto Akatu está alinhada com as metas de Sustentabilidade para 2025 da Dow, e um de nossos compromissos para a próxima década é a construção de redes e parcerias para potencializar as práticas sustentáveis em diferentes setores. O projeto, além de despertar o interesse dos alunos nas áreas de Meio Ambiente e Química, permite dar visibilidade a boas ideias que endereçam soluções aos desafios mais urgentes da sociedade”, explica Fábio Mendes, Especialista em Cidadania Corporativa da Dow.

Sobre o Instituto Akatu

Criado em 15 de março de 2001, o Instituto Akatu é uma organização não governamental sem fins lucrativos que trabalha pela conscientização e mobilização da sociedade para estilos sustentáveis de vida com consumo consciente e mais bem-estar para todos. As atividades do Instituto estão focadas na mudança de comportamento do consumidor em duas frentes de atuação: Educação e Comunicação, com o desenvolvimento de campanhas, conteúdos e metodologias, pesquisas, jogos e eventos. O Akatu também atua junto a empresas que buscam caminhos para a nova economia, ajudando a identificar oportunidades que levem a novos modelos de produção e consumo – modelos que respeitem o ambiente e o bem-estar, sem deixar de lado a prosperidade.

 

Sobre as ações de cidadania da Dow

As ações de cidadania corporativa da Dow buscam colocar em prática o compromisso da empresa para avançar o progresso humano e desenvolver comunidades sustentáveis. Desta forma, a companhia desenvolve soluções na interseção entre a inovação, sustentabilidade e cidadania para identificar, entender e endereçar os principais problemas da humanidade. Para isso, a Dow colabora com governos, ONGs, corporações e instituições de ensino para promover comunidades socialmente saudáveis e resilientes, ao mesmo tempo em que impulsiona seus negócios, alinhando-se às Metas de Sustentabilidade 2025 da empresa.

 

A estratégia de Cidadania Corporativa da empresa está pautada em 3 pilares prioritários:

·         Construindo a Força de Trabalho do Amanhã – que engloba capacitação de educadores para construir habilidade de ensino e o fomento de ações para despertar o interesse e melhorar a preparação dos alunos nas áreas de Ciência, Tecnologia, Engenharia e Matemática (STEM).

·         Soluções de negócios -  esse pilar se divide em ações para aumentar a produtividade e evitar o desperdício de alimentos, oferecer o acesso e o reuso de água e eficiência energética e moradias acessíveis.

·         Bem-Estar da Comunidade – envolve ações que contribuem com a saúde física e mental das comunidades, bem como sua segurança, desenvolvimento econômico e preservação do meio ambiente.